terça-feira, 24 de março de 2015

Tinkerplay


Às voltas com o divertido Tinkerplay da Autodesk, uma app que permite criar combinações fantásticas a partir de uma biblioteca de peças. Um pouco como o Doga Project, mas pensado de raiz para tablets. Para os meus dedos e mente mais habituada a interfaces clássicos criar no Tinkerplay tem o seu quê de difícil, mas para as crianças já calejadas pelos interfaces de toque em 3D suspeito que lhes seja muito fácil. Aliás, já desafiei um aluno ou dois e estão a adorar...


Com o Tinkerplay criam-se personagens a partir de bibliotecas de peças. A diferença em relação a outros legos digitais é que as peças estão pensadas para se articularem entre si. O objecto final não é estático e pode ser movido. O conceito do projecto é repensar os brinquedos para o século XXI, estimulando as crianças a criar os seus próprios brinquedos. Dentro da app pode-se construir, posicionar, fotografar e exportar.


Ao contrário de outros programas o resultado final não é um objecto único. O Tinkerplay gera ficheiros STL prontos a imprimir para cada peça que compõe o personagem. Tirá-los do tablet pode ser feito através de partilha em Dropbox, email, ou gravar localmente e depois copiar para um computador. Apesar da app gerar meshes limpas, convém retocar no netfabb para minimizar possíveis problemas de impressão.


Cá está, um robot concebido no tablet, montado após a impressão das peças na bee. Suspeito que os meus alunos irão gostar disto.

Sem comentários:

Publicar um comentário