sábado, 11 de abril de 2015

Ciclos


De regresso, depois de uma merecida pausa na páscoa. De regresso e a avançar para a recta final. Reiniciámos com transferência de modelos entre aplicações para processamento, misturando modelos do Doga com aplicação de textura e rendering no Bryce. A seguir, introdução ao Sketchup e avançar para o projecto final multimédia.



Animação é algo que não há tempo para ensinar. Fica só para os alunos que quiserem fazer os seus projectos com vídeos em 3D. Com pena minha, mas há que gerir o tempo destas aulas intensivas. O que não quer dizer que aqueles que na fase da aprendizagem quiserem mesmo saber como se faz, de forma introdutória, animação 3D não o possam fazer. Este é um desses exemplos, ainda quentinho de ter sido terminado na aula do fim da tarde na sexta-feira.

Pelo oitavo ano o desafio é a edição vídeo. A repetição cíclica de matérias e inicação a aplicações é uma das maldições do ensino. Sente-se sempre que todos os anos se começa de novo. Mas não nos podemos esquecer que para os alunos são os primeiros passos, são novos horizontes que se abrem. É essa faísca da aprendizagem que torna interessante a ciclicidade.


Será que consigo despertar uma onda de artistas do Tinkerplay entre os alunos que têm tablets? Este robot fez-lhes as delícias. A ver vamos se teremos resultados. Conto para a semana já ter de trabalhar nalgumas impressões saídas dos dedinhos dos alunos.

Sem comentários:

Publicar um comentário