quinta-feira, 28 de maio de 2015

B-Movie


Isto quase dava uma cena de filme de série B, daqueles com as criaturas fabulosas de Ray Harryhausen. Os modelos do Tinkerplay são divertidos, mas tenho dado prioridade nas impressões a projectos interdisciplinares. Isto, e o facto dos STL da aplicação serem uns gulosos de filamento. O robot foi impresso a 125% de escala (definida pela app) e fartou-se de comer filamento. Já o escorpião pareceu-me ter sido exportado pelo aluno a 50% da escala real. Aí os ficheiros começam a ter pormenores demasiado pequenos para a cabeça de impressão e o resultado fica muito irregular.

Sem comentários:

Publicar um comentário